Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Torre de Babel

Torre de Babel

D. Afonso I de Bragança

D. Afonso (1380?-1461) foi o primeiro duque de Bragança. Filho bastardo do mestre de Avis, futuro D. João I, e de D. Inês Pires, foi legitimado em 1401. Nesse mesmo ano, casou com D. Beatriz, única filha de D. Nuno Álvares Pereira.

 

3126370573_25654b1647_o.jpg

 

D. Afonso foi sempre estimado pelo pai e pela rainha D. Filipa de Lencastre, tendo importante lugar como conselheiro régio. Viajou até Jerusalém, cerca de 1410, aproveitando para visitar Veneza, onde foi recebido com honrarias. Depois de ter voltado para Portugal, partiu para Ceuta, onde lutou com bravura, mas esteve contra a expedição de Tânger.

 

Nas lides políticas do reino, teve papel de destaque durante o reinado de D. Afonso V. Foi precisamente um dos nobres que alimentou as intrigas contra D. Pedro, seu irmão, que havia sido regente de D. Afonso V, antes deste atingir a maioridade. Por isto mesmo, consta que D. Afonso terá sido o principal responsável pelo desastre da Batalha de Alfarrobeira, que teve lugar em 1449, que ditou a morte de D. Pedro. Como recompensa, recebeu propriedades confiscadas a partidários de D. Pedro.

 

Fruto do seu casamento com D. Beatriz, recebeu várias terras e também o título de conde de Barcelos. Décadas mais tarde, em 1442, foi designado primeiro duque de Bragança. Morreu "riquíssimo, poderosíssimo, na plena satisfação das suas grandes ambições". Em vida, procurou colocar amigos e familiares em cargos importantes na hierarquia nacional.