Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Torre de Babel

Torre de Babel

Festins e banquetes na Mesopotâmia

As refeições dos deuses e dos príncipes eram muito refinadas, ainda que nem todos os pratos correspondessem ao nosso gosto.

 

cropped-dutch-still-life-2.jpg

 

Foram encontradas três curtas recolhas de receitas datando do século XVII a.C., e os pratos que descrevem eram servidos durante os banquetes rituais do 2º milénio.

 

Algumas receitas são muito breves, outras mais complexas, como a de torta de aves, em escrita cuneiforme, que ocupa nada menos de 49 linhas:

 

«Suprimir patas e pescoços; retirar a fressura e principalmente as moelas; lavar tudo, depois de ter cortado a fressura, e passar rapidamente pelo lume numa caldeira; deitar água e leite numa marmita e acrescentar aves e fressura, sal, gordura, 'madeiras aromáticas' e um pouco de arruda desfolhada; quando ferver, acrescentar cebola, alho-porro, alho e um pouco de água fria; deixar cozer; preparar uma massa de farinha, leite, salmoira perfumada e um pouco de gordura da cozedura; dividir a massa crescida em duas metades e pô-las a cozer; colocar uma das metades numa travessa e dispor as carnes aspergidas de suco de alho e acompanhadas por pequenos pedaços de massa cozida, cobrir com a outra metade, que serve de tampa, e levar à mesa.»